Serviços O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Seminário aborda grandes bases de dados na Farmacovigilância

Farmacovigilância em 20 de junho de 2018
Projeto liderado pelo Cidacs visa enfrentar o problema dos Efeitos Adversos dos Medicamentos com auxílio de grandes bases de dados

O contexto atual da Farmacovigilância no Brasil e as experiências do uso de grandes bases de dados no campo a nível nacional e internacional serão discutidos nesta quarta-feira, 20 de junho, no seminário “Uso de Grandes Bases de Dados em Farmacovigilância”, em Brasília. A palestra de abertura será proferida pelo coordenador do Cidacs, Mauricio Barreto, que abordará o uso de grandes bases de dados no campo da saúde.

O seminário tem por objetivo ampliar o debate sobre a utilização de grandes bases de dados na vigilância pós-mercado e conhecer os avanços e as experiências internacionais e nacionais recentes sobre o uso de dados estruturados e não estruturados no campo da Farmacovigilância.

Além de representantes da Anvisa, irão participar do debate palestrantes de instituições de ensino, da Fiocruz, do Ministério da Saúde, do FDA e da Organização Mundial de Saúde (OMS).

A expectativa é que o evento proporcione conhecimentos para o aprimoramento de sinais e da avaliação risco-benefício de medicamentos, bem como auxilie na compreensão das possíveis análises integradas de dados estruturados e não estruturados nas implementações de medidas regulatórias.

O evento também será uma oportunidade de integração e alinhamento dos principais membros da Plataforma de Farmacovigilância, projeto multidisciplinar que uniu o Cidacs e Anvisa a mais sete instituições de pesquisa do Brasil para, a partir da ciência de dados, enfrentarem o problema dos Efeitos Adversos aos Medicamentos (EAM). Além de profissionais de diferentes áreas do Cidacs, integram o projeto pesquisadores do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), Cefet-Rio de Janeiro, das universidades federais da Bahia (Ufba), do Recôncavo Baiano (UFRB), do Espírito Santo (Ufes) e do Ceará (UFC).

Clique aqui e acesse a programação do seminário.

*Com informações da Ascom/Anvisa

NewsletterNovidades Cidacs