Serviços O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Formação em Ciência de Dados é tema de palestra no Tecnocentro

Dados 11 de Maio de 2018

Ao pulverizar agrotóxico em uma plantação cerca de 25% atinge a área desejada, o restante é levado pelo vento para outras áreas. Contudo, cientistas sugerem que drones possam fazer o trabalho dos aviões agrícolas e realizar a pulverização da altura e distância ideal para aumentar precisão da pulverização. Tudo isso é possível por meio de análise de dados e modelagem, como relatou o professor titular da Universidade de São Paulo (USP) Francisco Louzada Neto durante a palestra “Você está pront@ para ser Cientista de Dados?”.

O evento, realizado nesta quinta-feira, dia 10 de maio, foi promovido pelo Instituto de Matemática da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e o Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz), às 15h no auditório do Tecnocentro (Parque Tecnológico da Bahia). Entre o público interessado, estavam cientistas e engenheiros da computação, estatísticos, especialistas em saúde pública, epidemiologistas e estudantes de áreas correlatas.

O professor mostrou que a área de trabalho exige uma formação multidisciplinar. Muitas empresas de cessão de crédito financeiro usam a modelagem de risco para avaliar a possibilidade de inadimplência, por exemplo. Além disso, na indústria há diversas possibilidades para o cientista de dados.

No Brasil, a formação do cientista de dados ainda se dá na pós-graduação, com alguns exemplos pontuais de especializações na Ufba e na Universidade Federal do Paraná (UFPR). No entanto, já há iniciativas em andamento para criar um curso de graduação na área.

Sobre o palestrante

Louzada Neto é professor titular do Instituto de Ciência Matemáticas e Computação da USP, diretor de transferência tecnológica do Centro de Matemática e Estatística Aplicadas à Indústria (Cemeai) e coordenador do Laboratório de Estudos do Risco (CER-USP). Ele é PhD em Estatística pela Universidade de Oxford, mestre em Ciências da Computação e Matemática Computacional pela Universidade de São Paulo (USP), bacharel em Estatística pela Universidade Federal de São Carlos (Ufscar). Atua principalmente nas seguintes áreas: Análise de Sobrevivência e Confiabilidade, Data Mining, Testes Diagnósticos, Inferência Bayesiana, Modelos Não-Lineares, Modelos de Risco.

Galerias
NewsletterNovidades Cidacs