Serviços O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Maria Yury Ichihara

Busque por
colaboradores

Médica (UFPa), Mestre em Saúde Comunitária e Doutora em Epidemiologia (ISC-UFBa). Experiência em Planejamento, Gestão e Administração e em Epidemiologia. Desenvolveu pesquisas prioritárias para o SUS na área de avaliação de tecnologia com ênfase em vacinas, e das capacidades básicas de vigilância e resposta em atendimento ao Regulamento Sanitário Internacional. Participou de estudos em tuberculose, mortalidade neonatal precoce, diarreia. Atualmente, é vice-coordenadora do Cidacs/IGM/FIOCRUZ e participa de pesquisas sobre o efeito de determinantes sociais, incluindo a criação de índice de privação para o Brasil, e o impacto de políticas sociais na saúde.

É professora colaboradora do Programa de Pós-graduação desde 2015 e pesquisadora colaboradora do Instituto de Saúde Coletiva (ISC-UFBA) desde 1998, onde participou de pesquisas prioritárias para o SUS e de interesse da Vigilância à Saúde/Ministério da Saúde no período de 1998 a 2015.

Atualmente, é vice-coordenadora do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (CIDACS), unidade do Instituto Gonçalo Moniz/FIOCRUZ, que realiza o manejo de grande volume de dados para avaliação de determinantes sociais e de impacto de politicas públicas na saúde. Dentre os projetos nos quais participa como pesquisadora, destaca-se o projeto da Coorte de 100 milhões de brasileiros para análise de efeitos de determinantes sociais e políticas públicas na saúde da população brasileira, com ênfase na saúde materno-infantil, na ocorrência de doenças infecciosas e doenças crônicas e mortalidade. Participou de estudos em avaliação do impacto do Programa Bolsa Família na incidência de sífilis congênita, avaliação de efetividade da vacinas (BCG, influenza, rotavírus), avaliação de capacidades básicas de vigilância e resposta para atendimento ao Regulamento Sanitário Internacional, além dos seguintes temas: tuberculose, mortalidade neonatal precoce, diarréia por rotavírus e vigilância epidemiológica.

NewsletterNovidades Cidacs