Serviços O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Cidacs promove evento internacional Big Data Science em Salvador

Dados em 6 de novembro de 2018
Big Data Science vai reunir pesquisadores brasileiros e britânicos em seminário e minicursos

O Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz Bahia) promove o evento Big Data Science – Bahia 2018, que acontece em Salvador, de 7 a 12 de novembro. O evento é uma realização conjunta do Cidacs em parceria com a Universidade Federal da Bahia (Ufba) e Universidade de College London (UCL).

O Big Data Science vai reunir pesquisadores brasileiros e britânicos em dois momentos: o seminário, que ocorre nos dias 7 e 8 no auditório do Tecnocentro, na Paralela; e os minicursos, nos dias 9 e 12, na Ufba. As inscrições para o evento estão esgotadas.

Além de palestrantes da Ufba e do Cidacs, como os pesquisadores Marcos Barreto e Mauricio Barreto, o evento vai reunir nomes nacionais como Eduardo Tarazona, da Universidade Federal de Minas Gerais, e Samuel Victor Macedo, do Instituto Federal de Pernambuco. Internacionalmente, o evento contará com os pesquisadores da London School of Hygiene and Tropical Medicine Elizabeth Williamson e Nuno Sepúlveda; e da University College London, Spiros Denaxas, Maria Pikoula, Vaclav Papez e Arturo Gonzalez-Izquierdo.

O seminário será realizado em três sessões discutindo Bioinformática, Epigenômica e Métodos e Ferramentas para Pesquisa em Saúde, seguido por um painel para discutir desafios abertos e novos relacionados ao uso de grandes conjuntos de dados para pesquisa em saúde. Também serão realizados três cursos de curta duração sobre aprendizado de máquina, métodos de fenotipagem, pré-processamento de dados e linkage (método de vinculação de dados). Confira a programação completa para download abaixo.

Abordagens

O objetivo do evento é discutir como ferramentas e métodos de big data e ciência de dados. Tais estratégias são propostas de um novo modo de fazer ciência usando grandes bases de dados. No Cidacs, por exemplo, usa-se dados de 114 milhões de brasileiros, oriundos do Cadastro Único, para avaliar políticas sociais como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida na saúde das populações.

Além dessas pesquisas, a ciência de dados tem sido usada na epidemiologia genômica (campo que vincula dados genéticos para compreender comportamento de doenças, agente etiológicos, entre outros), como é feito na Epigen e Bioinformática e na saúde ambiental, que no Cidacs é realizada na plataforma Equidade e Sustentabilidade.

 

Download
NewsletterNovidades Cidacs