Serviços   O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Boletim da Covid-19 indica abandono vacinal e estima a proteção dos vacinados nos estados do Brasil

PAMEpi Escrito por Antônio H. C. Laranjeira  em 20 de dezembro de 2021

Integrantes da Plataforma Analítica de Modelos para Epidemiologia (PAMEpi) apresentaram nesta segunda-feira (20) um novo boletim sobre a Covid-19.

O documento, que resume uma série de informações científicas, apresenta também recomendações e limitações com base nos dados públicos de Saúde que abastecem esta e outras pesquisas que integram o Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz Bahia).

“A PAMEpi é um site inovador criado para oferecer informação para as pessoas cruzando diversas fontes oficiais de dados. Além disso, nossa preocupação na pesquisa é realizar uma apuração matemática, estatística e computacional para que os dados visualizados na PAMEpi sejam válidos para a população em geral e para os gestores e pesquisadores da Saúde otimizarem o combate a epidemias, incluindo a pandemia do Coronavírus”, diz Moreno Rodrigues, pesquisador da Fiocruz Rondônia e um dos coordenadores da PAMEpi.

Abandono vacinal indicado por dados

Um dos destaques do boletim é para o abandono do ciclo vacinal, ou seja, quando uma pessoa deixa de tomar a segunda dose.

O boletim mostra que estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia estão com uma grande proporção de pessoas que tomaram somente a primeira dose há mais de 6 meses, indicando um atraso no ciclo vacinal. Também mostra que esses estados têm uma alta taxa de abandono da campanha de vacinação, o que representa um alerta para gestores e pesquisadores que utilizam os dados para suas tomadas de decisão, sejam elas locais ou estaduais.

As variantes, delta, gama e ômicron além do vírus original do SARS-Cov-2 são as quatro formas do vírus encontradas no Brasil em dois anos. No boletim da PAMEpi, a equipe de pesquisadores levantou, a partir de repositórios públicos, as frequências de cada uma das variantes nos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal e mensurou um escore de proteção vacinal em cada um deles.

Além de levar em consideração as variantes, o escore também contabiliza a proporção de pessoas que estão vacinadas com o ciclo completo ou incompleto, os diferentes  tipos de vacina que estão  sendo aplicados nos estados e a variação da eficácia da vacina em diferentes desfechos.

O nível de proteção para o desfecho de bloqueio de infecções e/ou doenças assintomáticas, em zonas com predominância da variante Alfa, está na faixa de 52,5% a 54,6% para os estados brasileiros. Essa proteção aumenta para 54,2% a 61% para as demais variantes. Esse resultado alerta para a importância de se manter medidas de prevenção que evitem a circulação do vírus. 

“Nosso boletim busca explicar de modo descritivo, em cada uma das suas camadas de complexidade, como calculamos o escore de proteção em cada estado. A variabilidade da eficácia das vacinas e a circulação de variantes, por exemplo, precisam ser correlacionadas regionalmente com o sequenciamento genômico conforme a proporção de casos por estado. Em todo Brasil, foram menos de 0,5% dos casos de Covid-19 que tiveram o vírus sequenciado, o que do ponto de vista estatístico limita enormemente o poder de análise. Em 2022, investir mais em Ciência, Tecnologia e Inovação em Ciências de Dados são as prioridades se quisermos a mitigação desta e de outras doenças de modo otimizado”, justifica Pablo Ramos, um dos coordenadores da PAMEpi.

Realização, apoio e financiamento

Esta apresentação é parte do ciclo de eventos de divulgação científica proposto pela Plataforma Analítica de Modelos para Epidemiologia (PAMEpi), projeto que faz parte do Grand Challenges ICODA pilot initiative, promovido pela Health Data Research UK e financiado pela Fundação Bill & Melinda Gates e Fundação Minderoo.

Saiba mais

Acesse aqui o boletim na íntegra para ler e baixar.

Assista aqui o vídeo da apresentação do Boletim PAMEpi/Dezembro 2021.

 

DOI: https://doi.org/10.5281/zenodo.5793636

NewsletterNovidades Cidacs